Resenhas

Esses livros dentro da gente

Suzana Vargas

2009

Escrever e tecer. Escrever e viver. Escrever e ler. Estas são apenas algumas das relações tratadas neste livro de Stella Maris Rezende, destinado não apenas a jovens autores, como anunciado na capa, mas a escritores de todas as idades. Também se destina aos leitores de modo geral, aos professores, agentes de leitura e todo aquele que trabalhe com a palavra escrita.

CEm linguagem poética e direta, o livro viaja pelos elementos essenciais que sedimentam e impulsionam o exercício da escrita: da leitura dos grandes clássicos ao banho de chuva, tudo o que nos estimula os sentidos e a poesia de ser. A autora sabe que, entre outras qualidades, um escritor precisa ser um leitor voraz, mas precisa igualmente trabalhar com a cabeça e o coração, alimentando-se da vida em todas as suas manifestações.

De modo lúdico e eficaz, o livro sugere leituras diversas – de coisas, seres, lugares e pessoas. Stella – como a grande leitora que é – sugere objetivamente alguns textos de autores essenciais e eternos, como Rainer Maria Rilke, Lewis Carroll, Lygia Fagundes Telles ou Cecília Meireles, sabendo que quem quer escrever, escreve e, principalmente, vive com coragem e liberdade.

In: Buriti, revista Proler, pág. 67, 2009

Suzana Vargas, escritora e mestre em Teoria Literária, diretora da Estação das Letras

 
 
 
Email
facebook
Imprimir