Resenhas

Família contadeira de histórias

Luiz Raul Machado

2009

Da Minas profunda à Brasília grávida de futuro, o itinerário de Stella Maris Rezende é feito de palavras e temas delicados que chegam lá dentro do coração e da mente dos leitores jovens de todas as idades. Rotulada às vezes de infanto-juvenil, sua literatura dispensa adjetivos. É literatura da melhor fabricada nestes Brasis.

Família contadeira de histórias, seu livro mais recente, é um filme.

Cada capítulo é uma cena que registra o depoimento de um membro desta família tão comum e tão especial. De Dores do Indaiá à capital federal, dos avós ao neto cineasta, Stella Maris desfia seu documentário, ora escondendo caprichosamente, ora revelando segredos.

A locação, um alpendre mineiro que só falta falar. Falta?

O cheiro, do café coado na hora e do doce de mamão.

Os closes, dos rostos vividos em que os sentimentos mais fundos saltam pelos olhos. As vozes, que recriam o painel bordado com a memória das personagens. “Com a memória, a riqueza que elas têm”. A mãe diz: “Foi o Érico Veríssimo que me deu alento. As palavras dos livros dele.”

As palavras dos livros de Stella Maris nos dão alento. E emoção. E esperança.

Luiz Raul Machado, 2009

In: Família contadeira de histórias – no prelo

Luiz Raul Machado é escritor premiado e especialista em Literatura Infantil

 
 
 
Email
facebook
Imprimir