Resenhas

A guardiã dos segredos de família, de Stella Maris Rezende

Isabela Lapa

2014

As pessoas costumam dizer que nós somos reflexo do meio em que vivemos. Por incrível que pareça, eu não concordo com isso! Acredito que somos reflexo das escolhas que fazemos diante de cada situação, afinal, ir ou ficar, mudar ou aceitar, só depende da nossa cabeça e da nossa força de vontade.

Outra frase que sempre ouço por aí é que temos que escutar a opinião dos mais maduros. Porém, qual o conceito de maturidade? Enquanto para muitos a maturidade é adquirida com a idade, para mim, ela vem com as vivências e experiências.

Eu disse isso só para explicar que enquanto eu lia a fabulosa história da menina que guardava os segredos da família, descobri que não estou errada na minha forma de pensar: tudo depende das nossas escolhas e o amadurecimento aparece conforme as experiências e as necessidades.

Descobri isso porque Nenenzinha, nossa protagonista, com apenas treze anos de idade, fez uma escolha que mudou a sua vida: saiu de casa para cuidar de quatro sobrinhos mais novos (Célia, Chiquito, Niquinho e Quinzinho) que perderam os pais e foram viver na casa de um tio. Porém, a esposa do tio, dona Delminda, era uma mulher muito má e exploradora, que negava comida às crianças e exigia muito trabalho delas.

Ao chegar no local, de forma discreta e inteligente, Nenenzinha começou a mudar a rotina dos pequenos, oferendo mais comida e também um pouco de diversão. As suas artimanhas se tornaram ainda mais eficazes quando ela descobriu segredos de Delminda, afinal,por meio deles e sem revelá-los, ela obtinha vantagens. Sem saber do que Nenenzinha realmente sabia, Delminda se sentia amedrontada e cedia aos seus pedidos.

Em meio a isso, com uma sensibilidade incrível e uma maturidade peculiar para a idade, nossa jovem protagonista transformou a vida de todos que a rodeavam e deixou uma lição de coragem e determinação.


Minhas Impressões:

Quem acompanha o site já sabe que eu considero a Stella uma exímia contadora de histórias. O que me encanta nos seus livros é que mesmo sendo para jovens, eles trazem pedaços da realidade, mostram as dores, as dificuldades, os dissabores e os temores, afinal, a vida não é nenhum conto de fadas e não teria a menor graça se fosse!

Além do conteúdo, todos os seus livros se destacam pela linguagem aprimorada, cuidadosa e sensível. Stella consegue detalhar os personagens, os ambientes e os acontecimentos de uma maneira diferenciada e completa, tornando a leitura doce e agradável.

Um destaque nesse livro é que os acontecimentos não foram apresentados de forma cronológica. Muitas vezes a história volta no tempo para incluir informações e detalhes, o que contribui para despertar a atenção e o interesse pelo destino dos nossos queridos personagens.


"Restou uma família bem destroçadinha.
Sem casa, sem muros.
Mas, antes da inundação, muita coisa aconteceu."


Sem dúvida um livro impecável, delicado e marcante, que deixa uma linda lição de força, coragem e amor!

Preciso destacar que a Edição, apesar de simples, é bem bonita. As ilustrações em preto e branco combinaram com os acontecimentos da história e deram um charme ao texto de Stella. Além disso, o livro é leve e a letra é grande, o que facilita a leitura dos nossos pequenos e jovens leitores.

No site da escritora você encontra dicas de onde comprar. Clique aqui e confira!


Uma curiosidade: O livro foi o vencedor do Prêmio Barco Vapor no ano de 2010, ficou em segundo lugar no Prêmio Jabuti no ano de 2012 e é indicado como Altamente Recomendável Para Jovens pela FNLIJ.



Universo dos leitores | Postagem: A guardiã dos segredos de família, de Stella Maris Rezende | 3 de junho de 2014

Disponível no Universo dos leitores

 
 
 
Email
facebook
Imprimir